Friday, August 1, 2008

dança



Viu-a aproximar-se lentamente, vinda do outro lado da pista. Trazia um meio-sorriso armado na cara, e um brilho autocolante nos olhos.
Pousou a mão ao de leve no braço dele e sorriu, exibindo como num convite os seus dentes com sabor a sair daqui.
Ele agradeceu devagar e ficou a vê-la afastar-se por entre uma floresta de braços.
Os filematófobos também sabem dançar.

2 comments:

Satine said...

Pudesse alguém entender tudo isto...

Satine said...
This comment has been removed by the author.